Oitava e última temporada da atração estreia no dia 14 de abril, na HBO

Por GaúchaZH

No dia 14 de abril, vai ao ar a oitava e última temporada de Game of Thrones, na HBO. Adaptada da série de livros As Crônicas de Gelo, de George R.R. Martin, será o começo do fim de uma das maiores atrações televisivas da história, que estreou em 2011.

Não é um exagero superlativo dizer que Game of Thrones é um dos projetos mais exitosos da cultura pop. Há números e quebra de recordes que sustentam a magnitude da série como um fenômeno de popularidade. O sucesso do programa passa pelo público, pela crítica e se consolida nas principais premiações.

Com o desfecho previsto para o sexto e último episódio da oitava temporada, é provável que mais recordes sejam quebrados pela série da HBO neste ano.

A seguir, confira algumas marcas que Game of Thrones atingiu ao longo de sete temporadas.

A série mais popular do mundo

Conforme informações da Parrot Analytics, empresa de dados que mede a demanda mundial de audiência por conteúdo televisivo, Game of Thrones foi a série mais popular do mundo em 2017 – ano que foi exibida a sua sétima temporada. A companhia aponta que GoT teve média diária global de 11,28 milhões de “demand expressions” – medida que a Parrot utiliza para medir a audiência, compartilhamento entre as pessoas, pirataria, as menções nas redes sociais e outros fatores para estimar a demanda de espectadores –, seguida no ranking por atrações como The Walking Dead e Pretty Little Liars.

Em 2016, a Parrot apontou que Game of Thrones tinha uma média diária de 7,191 milhões de demand expressions. Por conta dessa marca, GoT entrou para o Guinness Book como a série mais popular do mundo na atualidade.

A mais pirateada

Todo ano Game of Thrones bate o recorde da série mais pirateada no mundo. De acordo com o site sobre compartilhamento de arquivos TorrentFreak, a série foi o programa de TV mais baixado ilegalmente por seis anos consecutivos, até 2017, com números que crescerem a cada ano. Por exemplo, o último episódio da sexta temporada, lançado em 26 de junho de 2016, foi compartilhado por 350 mil canais piratas simultaneamente. Já o último da sétima, de 27 agosto de 2017, alcançou 400 mil downloads simultâneos.

Em 2017, a sétima temporada da série alcançou a marca de um bilhão de downloads, segundo dados apurados pela MUSO – empresa de monitoramento de pirataria e quebra de direitos autorais – e divulgados pela TorrentFreak.

O site aponta que cada episódio da temporada foi pirateado 140 milhões de vezes, superando consideravelmente a média de audiência de 32 milhões pelos canais legais. Segundo o levantamento, a maioria das visualizações piratas vieram por serviços de streaming (85%), seguidas por torrents (9%) e downloads diretos (6%).

A mais vista ao mesmo tempo

O alcance de Game of Thrones é global. Na Ásia, por exemplo, o crescimento da popularidade tem sido exponencial. Segundo relatou Jonathan Spink, CEO da HBO Asia, o primeiro episódio da sétima temporada apresentou crescimento de audiência de 50% na Singapura, 47% nas Filipina e 24% em Taiwan, em comparação com o sexto ano da série.

Segundo informações do site Guinness World Records, o segundo episódio da quinta temporada foi a maior transmissão televisiva realizada até agora: o capítulo foi exibido simultaneamente em 173 países e territórios diferentes a partir da madrugada de 20 de abril de 2015.

A mais copeira

Em 2016, Game of Thrones se tornou a maior vencedora em uma mesma edição do Emmy ao faturar 12 prêmios – incluindo a categoria de Melhor Série Dramática. A série da HBO já recebeu 128 indicações ao Emmy, tendo vencido em 47 categorias.

O mais alto

Esta marca entra mais pela curiosidade: Game of Thrones também entrou para o Guinness Book como a série que teve o ator mais alto em seu elenco. No caso, o britânico Neil Fingleton, de 2,29m, fez o papel de Mag the Mighty – gigante do Exército de Mance Rayder.