Estrelado por Angelina Jolie, produção será o segundo filme solo da vilã de “A Bela Adormecida”

Por GaúchaZH

A sequência de Malévola virá mais cedo do que se imaginava. A Disney anunciou nesta quarta-feira (6) que o segundo filme solo da vilã originalmente apresentada em A Bela Adormecida (1959) chegará no dia 18 de outubro de 2019, nos EUA. Por enquanto, a data não está confirmada para o Brasil. Antes, o longa-metragem estava previsto para 2020.

O estúdio também revelou o título da sequência: Maleficent: Mistress of Evil (em tradução livre: “Malévola: A Mestra do Mal”). Ainda, foi divulgado um pôster do novo filme, ilustrado com a atriz Angelina Jolie, que volta a protagonizar a história.

Lançado em 2014, Malévola arrecadou mais US$ 750 milhões nas bilheterias mundias. Com direção de Robert Stromberg (duas vezes vencedor do Oscar de direção de arte, por Avatar e Alice no País das Maravilhas), a história mostrava o lado doce da fada órfã Malévola, que se apaixona pelo amigo de infância, Stefan (Sharlto Copley). Ambicioso, o jovem almeja se tornar rei a qualquer custo. Com ele, Malévola aprende a amar, mas também a odiar e invejar. Stefan vira pai da princesa Aurora (vivida aos cinco anos por Vivienne Jolie-Pitt, filha de Angelina e Brad Pitt, e, na adolescência, por Elle Fanning), a quem Malévola lança uma maldição, por vingança.

Na sequência, Michelle Pfeiffer (Scarface) interpretará a rainha Ingrith e Harris Dickinson (Mentes Sombrias) será o príncipe Philip. Com direção de Joachim Rønning (Piratas do Caribe – A Vingança de Salazar), o elenco também contará com nomes como Ed Skrein (Deadpool) e Chiwetel Ejiofor (12 Anos de Escravidão), além de Elle Fanning retornando ao papel de Aurora.