Confira a lista com os principais filmes que não foram bem ranqueados no ano

Para um cinéfilo, não existe tristeza maior do que não gostar de um filme pelo qual criamos expectativa, não é mesmo? Ainda que 2018 tenha se mostrado um ano de sucesso para produções hollywoodianas, também teve seus fracassos nas bilheterias mundiais. Abaixo, confira a lista das principais decepções nas telas do cinema.

Han Solo: Uma História Star Wars

Estreia nos EUA: 25 de maio de 2018
Custo: US$ 275–300 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$ 392,9 milhões
De longe, a pior arrecadação da saga Star Wars. A ideia de um filme sobre o jovem Han Solo já não era empolgante para muitos, e ficou menos atraente quando a LucasFilm demitiu os diretores Chris Miller e Phil Lord. O filme, que passou por inúmeros problemas de produção, foi lançado pouco menos de um mês após Vingadores: Guerra Infinita e Deadpool 2. O resultado? US$ 390 milhões para um filme que certamente custou bem mais caro.

O Quebra-Nozes e os Quatro Reinos

Estreia nos EUA: 2 de novembro de 2018
Custo: US$ 120–133 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$ 161,19 milhões
Ao que parece, não é qualquer conto de fadas que consegue ser vendido pela Disney. O Quebra-Nozes e os Quatro Reinos é uma clara demonstração disso. O filme fez apenas US$ 20 milhões na sua estreia durante a temporada de Ação de Graças e registrou as piores críticas para um filme da Disney no ano.

O Predador

Estreia nos EUA: 14 de setembro de 2018
Custo: US$ 88 milhões (oficial)/ US$ 208 milhões (custo estimado com gastos em marketing)
Arrecadação mundial até agora: US$ 160,5 milhões
O filme falhou em encontrar um público por ser completamente autoral, teve falhas no roteiro, além das polêmicas envolvendo o diretor, que chamou um amigo com histórico de crimes sexuais para trabalhar no longa. Assim, com um orçamento de US$88 milhões, o filme abriu com US$24 milhões.

Operação Red Sparrow

Estreia nos EUA: 2 de março de 2018
Custo: US$ 69 milhões
Arrecadação mundial até agora: $151,57 milhões
Considerando apenas a bilheteria “doméstica”, US$ 46,87 milhões, o filme de espionagem estrelado por Jennifer Lawrence entra para a lista dos maiores fracassos do ano.

Uma Dobra no Tempo

Estreia nos EUA: 9 de março de 2018
Custo: US$ 100–130 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$132,67 milhões
O filme de Ava DuVernay trouxe apenas US$ 132 milhões em todo o mundo, algo pouco lucrativo considerando o orçamento de US$ 100 milhões e o elenco estrelado que conta com Oprah Winfrey e Reese Witherspoon.

Robin Hood – A Origem

Estreia nos EUA: 21 de novembro de 2018
Custo: US$ 100 milhões (oficial)
Arrecadação mundial até agora: US$ 73,15 milhões
O filme fez apenas US$ 14 milhões nos cinco dias do feriado de Ação de Graças, tendo a pior abertura do ano para um filme com orçamento acima dos US$ 90 milhões.

O Homem das Cavernas

Estreia nos EUA: 16 de fevereiro de 2018
Custo: US$ 50 milhões
Arrecadação mundial até agora: US$ 54,62 milhões
O filme da Aardman cometeu o erro de estrear nos EUA no mesmo fim de semana de Pantera Negra.

No Olho do Furacão

Estreia nos EUA: 9 de março de 2018
Custo: US$ 35-40 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$ 31 milhões
Apesar de ter uma estreia relativamente grande – 2.402 salas – o filme catástrofe estrelado por Toby Kebbell e Maggie Grace fez apenas US$ 6,11 milhões nos EUA depois de 9 semanas em cartaz.

Crimes em Happytime


Estreia nos EUA: 24 de agosto de 2018
Custo: US$ 40-47 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$ 27,5 milhões
Nem a soma da arrecadação (EUA + internacional) do filme estrelado por Melissa McCarthy foi capaz de chegar perto do orçamento da comédia. Criada pelo filho do consagrado Jim Henson, Brian Henson, custou US$40 milhões, e arrecadou apenas US$9 milhões em seu fim de semana de estreia.

Máquinas Mortais

Estreia nos EUA: 14 de dezembro de 2018
Custo: US$ 100-150 milhões (estimado)
Arrecadação mundial até agora: US$ 54,29
O filme ainda não estreou em mercados importantes como China e Brasil, mas a arrecadação de apenas US$ 7,5 milhões na estreia nos EUA e as críticas negativas já fizeram com que a Universal projete um prejuízo de até US$ 100 milhões.

Leia mais

Confira os 10 maiores sucessos de bilheterias de 2018