Segunda edição do ano do evento acontece na próxima quinta-feira, dia 19 de julho, às 20h, na Alameda Casa Rosa

Promover a inclusão de ingredientes típicos de um país tropical e de grande diversidade cultural em um menu de origem francesa, e ainda inovar com combinações inusitadas e agradar diferentes paladare​​s, não é receita para qualquer um. Mas essa é a convidativa proposta para o cardápio da segunda edição do ano da Confraria do Vinho Itapema, na próxima quinta-feira, dia 19 de julho, na Alameda Casa Rosa. E quem já provou da comida do chef Renato Stumpf não tem a menor dúvida quanto a um resultado cheio de sabor e harmonia. “É um desafio que nos leva a realizar vários testes de pratos e até de seleção de ingredientes exclusivos e fora do comum”, explica o chef.

Confraria do Vinho

Na segunda edição comemorativa aos 10 anos do evento, o menu traz mais uma vez ingredientes frescos, valorização de produtos catarinenses e a base da cozinha francesa que é reverenciada no mundo todo. As frutas cítricas, em alta na estação, estão presentes em todo o serviço, desde a entrada, no coquetel volante, até a sobremesa, com laranja, tangerina e limão siciliano. E a laranja protagoniza uma combinação inusitada já na primeira entrada, um creme de abóbora, palmito, bottarga de tainha e azeite da fruta. As ovas de tainha, preparadas no modo que lhe renderam a fama de “caviar catarinense”, foram um dos últimos ingredientes escolhidos por Renato, depois que ele conheceu, há poucos dias, uma edição especial e exclusiva produzida em Ibiraquera, Imbituba, que segundo o chef têm um sabor muito especial.

Aliás, optar por novidades e adaptar o menu ao clima e disponibilidade de ingredientes na data do jantar é um dos conceitos que fidelizaram muitos participantes da Confraria do Vinho. “As pessoas vêm para o evento sem ter experimentado qualquer dos pratos do menu. O intuito é conhecer novidades, em uma aventura guiada por novas experiências de gastronomia e de harmonização com rótulos sempre diferenciados de vinhos e espumantes”, conta o sócio-proprietário da Alameda Casa Rosa, Fábio Queiroz.

Cogumelos Portobello estão na entrada que traz arancine, um bolinho de risoto que leva a experiência um pouco para a Itália. O coquetel volante segue com atum servido com gel de tangerina e quinoa crocante, camarão empanado no panko com uma adocicada batata baroa e vinagrete de trufa, e retorna com força à França no clássico roastbeef, em uma versão com mostarda e queijo gruyère. Depois do coquetel, a Confraria do Vinho serve dois pratos principais – e é nesse momento que, para ​acalmar o frio da estação, o chef inclui na receita o aconchego, sempre apostando no novo: o tradicionalíssimo cassoulet, prato francês com base de feijão branco e conhecido por se assemelhar à feijoada brasileira, vai levar, em vez de carne de porco e cordeiro, a nossa linguiça Blumenau, tilápia de Braço do Norte e molho Gribiche, outro acompanhamento típico da França. “Gosto muito dessa mistura de terra com mar, água. Carnes vermelhas e peixes rendem excelentes combinações”, explica Renato.

Confraria do Vinho

​​O segundo prato principal tem filé mignon grelhado, assado de costela, fondant de batata e molho Vierge, este um preparo francês para substituir o tradicional vinagrete que acompanha carnes, feito à base de azeite de oliva morno com infusão de tomates em cubos e limão siciliano. Para fechar a experiência, uma sobremesa que faz lembrar dos sabores na casa da avó: clafoutis de pera. É uma tortinha com frutas​ ​na qual a pera foi ​escolhida por ficar muito saborosa assada. A tortinha ainda vem combinada com erva doce, uma massa cremosa com amêndoas e baunilha, raspas de limão siciliano e cobertura de chantilly de mascarpone.

Todo esse menu é harmonizado com rótulos selecionados de espumantes, brancos, tintos e vinhos licorosos, sob a responsabilidade de profissionais da Decanter e seguindo a mesma proposta dos pratos: proporcionar uma experiência nova aos participantes, com exemplares que fogem do tradicional. O evento tem patrocínio da Decanter, Bellacatarina, Acqualive SC e Grupo Geração, com apoio da Galeria de Arte Luciano Martins, da Flor de Liz e parceria com a Alameda Casa Rosa. Os ingressos para a edição de 19 de julho são limitados e estão disponíveis pelo site Blueticket e também nas lojas físicas da Blueticket e da Siqlo, no Beiramar Shopping, na Bellacatarina e na Decanter Florianópolis. A Alameda Casa Rosa conta com estacionamento próprio, para maior conforto dos participantes.

Serviço
Confraria do Vinho Itapema 2018 – 2ª edição
Quando: 19 de julho, às 20h
Onde: Alameda Casa Rosa (Rod. Admar Gonzaga, 3.401 – Itacorubi, Florianópolis)
Quanto: R$ 180
Ingressos à venda no site Blueticket e também nos pontos de venda: loja física da Blueticket (Beiramar Shopping), Siqlo (Beiramar Shopping), Bellacatarina (Av. Beiramar Norte, 5.036) e Decanter (R. Herman Blumenau, 207)

Menu da 2ª edição

​​Coquetel volante
Creme de abóbora, palmito, bottarga e azeite de laranja
Arancine de cogumelo portobello, tomilho e aioli
Atum, quinoa crocante e tangerina
Camarão, batata baroa, agrião e vinagrete de trufa
Roastbeef, mostarda e queijo gruyère
Harmonização: espumante Cava Ophicus brut (Bodegas Lozano/Espanha)

Primeiro prato
Cassoulet com linguiça Blumenau, tilápia grelhada e molho Gribiche
Harmonização: Chardonnay Reserva 2016 (Caliterra/Chile)

Segundo prato
Filé mignon, assado de costela, fondant de batata e molho Vierge
Harmonização: Rosso Conero Serrano 2015 (Umani Ronchi/Itália)

Sobremesa
Clafoutis de pera, erva doce e chantilly de mascarpone
Harmonização: Alambre Moscatel de Setúbal 2010 (José Maria da Fonseca/Portugal)