A tecnologia pode identificar rostos mesmo quando as pessoas não estão olhando diretamente para a câmera

Chegar a um show e perceber que esqueceu os ingressos é algo que pode acontecer com qualquer um – mas este tipo de situação pode estar perto do fim: a Ticketmaster, uma das maiores empresas de comércio de ingressos do mundo, está desenvolvendo um programa de reconhecimento facial que pretende permitir que seus clientes usem seus próprios rostos como uma espécie de ingresso digital no futuro.

ingressos

A Live Nation Entertainment, dona da Ticketmaster, anunciou que o programa está sendo desenvolvido em parceria com a emprea de tecnologia Blink Identity. “A ideia é associar seu ticket digital à sua imagem, e então simplesmente entrar no show”, declarou Michael Rapino, CEO da Live Nation. Um comunicado da Blink Identity diz que o software pode identificar o rosto de uma pessoa em meio segundo, mesmo se ela não estiver olhando diretamente para a câmera: “Nossa tecnologia pode identificar as pessoas quando elas passam caminhando, mesmo que rapidamente, o que permite identificação rápida para uma variedade de aplicações.”

Ainda não há uma data definida para implementação do programa, mas é possível que a novidade levante questionamentos quanto à privacidade dos usuários: se há preocupações a respeito dos dados que redes sociais como o Facebook podem armazenar, é de se esperar que as pessoas se perguntem sobre o que pode acontecer quando uma empresa como a Ticketmaster tiver uma grande base de dados de rostos detalhados.