A temática social marca o repertório do show, que tem promoção exclusiva da Itapema

A temática social presente no repertório é a marca do mais novo projeto de Milton Nascimento para 2017, ano em que seu primeiro disco, autointitulado, completa cinquenta anos. O show acontece no dia 16 de setembro, no teatro da UFSC, com realização de Orth Produções e promoção exclusiva da Itapema.

Milton Nascimento / Divulgação

Milton Nascimento / Divulgação

Ava Nheyeyru Iyi Yvy Renhoi, ou Semente da Terra – este é o nome que Milton Nascimento recebeu de 37 lideranças espirituais da Nação Guarani Kaiowá em uma cerimônia realizada em 2010. O nome de batismo guarani, concedido para pouquíssimas pessoas nascidas fora da tribo, surgiu a partir da percepção que os índios tiveram ao olhar uma foto de Milton. Nenhuma das lideranças jamais tinha ouvido falar dele antes deste evento, que reuniu índios de várias etnias em Campo Grande (MS), onde Milton se apresentou para sul-mato-grossenses e comunidades indígenas. Após uma discussão fechada de duas horas entre líderes guarani em que a foto de Milton passava de mão em mão, caciques e pajés entraram durante o show de Bituca e fizeram o batizado no palco. Semente da Terra, nome desenhado pelos índios naquela noite pantaneira de maio, foi escolhido para sacramentar a volta de Milton ao encontro direto de seu público, após um ano de período sabático.

Com direção musical de Wilson Lopes (que também toca violão) o show conta ainda com a presença de seu irmão, Beto Lopes (sete cordas), do baterista Lincoln Cheib, além do contrabaixo de Alexandre Ito, dos vocais de Barbara Barcellos, do piano de Kiko Continentino e dos metais de Widor Santiago. O repertório foi escolhido através de uma seleção com forte conotação política e social que foi sendo afiada em suas três últimas turnês: Uma Travessia (2012), Linha de Frente (em parceria com Criolo, em 2014), e Tarde (2015).

Ter colocado o nome Semente da Terra neste novo show também tem relação direta com a campanha de Milton, iniciada ainda em 2016, que pretende repassar parte do lucro obtido com a venda de camisetas de sua marca diretamente para tribos Guaranis de Mato Grosso do Sul.

 

Milton e banda trazem, através da música, uma reflexão sobre dias extremos, como os atuais – porém, cheios de esperança. E, através de canções que marcaram profundamente 50 anos de história a partir da primeira gravação de Travessia, Milton chega em 2017 renovado, com a força de seu canto, sua raça, seus sonhos e, principalmente, sua coragem.

Milton Nascimento / Divulgação

Milton Nascimento / Divulgação

SERVIÇO
Milton Nascimento – Tour “Semente da Terra”
Quando: Dia 16 de setembro, às 21hrs
Onde: Centro de eventos da UFSC
Ingressos: A venda começa às 14h desta sexta-feira, dia 12, através do site e loja Blueticket
Realização: Orth Produções
Promoção exclusiva: Itapema
Classificação Etária: Livre. Menores de 14 anos somente poderão entrar acompanhados dos pais ou responsáveis. Crianças até 24 meses de idade que ficarem no colo dos pais não pagam.