O trabalho já ganhou 30 vezes o certificado de disco de platina

Seis anos já se passaram desde a morte de Michael Jackson, mas o rei do pop continua a bater recordes: Thriller, seu maior clássico, acaba de receber o certificado de disco de platina – pela 30ª vez. As certificações variam de acordo com cada gravadora e país – mas, no caso de Thriller, cada platina representa um milhão de cópias vendidas, o que quer dizer que o álbum vendeu 30 milhões de cópias desde seu lançamento, em 1982. O trabalho é o primeiro no mundo a alcançar esse número. “Nós temos entregado discos de ouro e platina ao longo de quase 60 anos, mas esta é a primeira vez que um artista atinge a plantina 30 vezes”, comentou o diretor da Recording Industry Association Of America, Cary Sherman, em um comunicado. “É uma conquista excepcional e um atestado de que Thriller tem um lugar permanente no coração do público e na história da música.” A primeira platina do álbum foi conseguida no mesmo ano do lançamento, e, antes do final de 1984, o disco já havia recebido a certificação vinte vezes.

imagem

Recentemente, foi divulgado que Sharad Chandra Patel, pai do produtor e diretor Raju Patel, está processando os responsáveis pelo espólio de Michael por não permitir que ele termine um filme sobre o cantor, começado por seu filho. O longa, Messages To Michael, está para ser feito desde as acusações de assédio sexual sofridas pelo músico em 2003 – Michael queria fazer um filme em homenagem aos “dedicados fãs que o apoiaram durante tempos difíceis, enquanto muitos outros viraram as costas”, segundo um comunicado. Em 2005, o artista assinou um contrato que dividia os possíveis lucros do filme meio a meio com Raju Patel “ou seu representante” – Raju escolheu seu pai como representante, e morreu três meses depois, vítima de um câncer.