Os shows promoveram o elogiado disco Who Built The Moon?

Noel Gallagher, ex-Oasis e atual líder da High Flying Birds, lançou no começo de novembro o seu primeiro livro: Any Road Will Get Us There (If We Don’t Know Where We’re Going), que mostra o backstage e narra histórias da maior turnê mundial da carreira da High Flying Birds, que divulgou o álbum Who Built The Moon? – a publicação também traz narrativas a respeito da concepção e gravação do disco. Os textos de Noel e de seus colegas de banda (Mike Rowe, Chris Sharrock, Russel Pritchard, Gem Archer, Jessica Greenfield e Charlotte Marionneau) são ilustrados por fotografias de Sharon Latham, que acompanhou o grupo nas viagens.

Noel Gallagher

Foto: Sharon Latham

“Eu faço isso no meu ritmo – e eu não estaria em turnê com nenhum outro grupo de pessoas que não este”, afirma Noel em certo ponto do livro, conforme divulgado pelo site NME. “Se eu pudesse escolher quaisquer pessoas no mundo para me acompanhar em uma turnê, seriam estas. […] Eu digo a eles com frequência: ‘Nenhum de nós aqui é o melhor do mundo em seja lá o que for’. Nós somos uma banda, nós fazemos barulhos que as pessoas amam ouvir. Eu não sou o melhor vocalista, não sou o melhor guitarrista, mas eu sou o melhor do mundo em ser eu.”

Sobre o show da turnê, o músico comenta: “A iluminação do palco, os lasers e tudo mais, simplesmente combina com o álbum. É moderno, mas é cool. Fuji [o técnico de iluminação], fez um trabalho incrível. Na primeira vez em que vi tudo pronto, eu pensei: ‘Uau! Acho que eu deveria aumentar um pouco o preço dos ingressos’.”

Confira mais algumas fotos, todas de autoria de Sharon Latham, e divulgadas inicialmente pelo NME:

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Noel Gallagher

Recentemente, Noel fez mais alguns de seus comentários notoriamente ácidos, durante uma entrevista à revista Rolling Stone da Argentina. “Não por coincidência, o Oasis era bem melhor quando eu estava tomando conta das coisas”, declarou o artista. “Mas em algum momento eles [os outros integrantes do grupo] assumiram aquela atitude de ‘você não pode me dizer o que fazer ou como cantar ou me vestir’, e eu até fiquei feliz com a ideia de sentar no banco de trás por um tempo, mas não é uma coincidência que nossa melhor época tenha sido quando eu estava dirigindo. Agora, na High Flying Birds, eu estou no controle de tudo, e as coisas voltaram ao lugar.”

Ele completou: “Dez anos depois, eu ainda estou fazendo turnês, me sinto mais jovem, tenho uma banda melhor, escrevo canções melhores e estou até mais bonito. Eu estou mais feliz, e o Manchester City [time do qual Noel é torcedor] venceu a Premier League três vezes. O que mais eu poderia querer?”