Esta é a quarta baixa que o grupo sofre em pouco tempo

Por mais que a turnê ao lado de Axl Rose esteja sendo um sucesso, não anda fácil ser fã do AC/DC: depois das saídas de Malcolm Young, Phil Rudd e Brian Johnson, a banda agora confirma a despedida do baixista Cliff Williams. O vídeo divulgado nesta terça-feira no Facebook oficial do grupo traz o próprio músico anunciando a saída. “Chegou a minha hora de sair, e é só isso”, ele simplifica, com tranquilidade. “Não é porque perdemos Malcolm, Phil ou Brian. Tudo muda quando essas coisas acontecem, mas não é por causa disso. Eu só estou pronto para me aposentar das turnês. De verdade. Sei que estou fazendo. De novo: só chegou a minha hora.” Quando fala sobre como as saídas de integrantes sempre causam mudanças em uma banda, Williams cita a morte de Bon Scott, vocalista do AC/DC nos anos 1970 – Williams era um dos membros mais antigos do grupo, na ativa desde 1997.

cliff williams

Falando sobre seus planos, o baixista diz que pretende relaxar e ficar com a família. “Estou feliz. Só preciso de tempo com a minha família, para relaxar”, afirma. “Não poderia pedir nada além do que estar onde estou, com as pessoas com quem estou, tocando essas músicas.” Veja o vídeo abaixo:

Malcolm Young, guitarrista e um dos fundadores do AC/DC, teve que se afastar ainda em 2014, por sofrer de demência. O baterista Phil Rudd, no ano passado, foi detido, acusado de ter feito ameaças de morte. Já o vocalista Brian Scott foi afastado pelo risco de perder totalmente a audição se continuasse se apresentando com a banda.