“Não tenho animosidades com ninguém da banda, e o fato de que estamos todos nós vivos neste mundo é uma façanha incrível”, afirmou o músico

Será que o Skid Row poderia seguir os passos do Guns N’ Roses – e fazer uma reunião da formação clássica, com Sebastian Bach, Dave “The Snake” Sabo, Scotti Hill, Rachel Bolan e Rob Affuso? Se depender de Bach, vocalista original do grupo, pode ser que sim. “Não tenho nenhuma razão para não fazer isso”, ele respondeu, quando questionado a respeito, em uma nova entrevista para a Loudwire. “Quer dizer, eu tenho um empresário, Rick Sales, que cuida da minha carreira – e algo desse gênero vai além de mim. Não sei como responder isso. Mas se eles quiserem se reunir e fazer um som…”

sebastian bach

“Eu sei que os fãs pensam nisso o tempo todo”, continuou o cantor. “Mas eu estou tocando em 12 cidades em 13 dias no momento; é complicado descrever para as pessoas o que é isso, quanto trabalho isso dá. Então meu cérebro está focado no que estou fazendo. Estou lançando um livro e tem mais um monte de coisas que tenho que fazer. Mas eu não tenho animosidades com ninguém do Skid Row, e o fato de que estamos todos, nós cinco, vivos neste mundo, é uma façanha incrível. Então eu definitivamente gostaria de ouvir os cinco caras que fizeram aqueles discos tocando juntos ao vivo novamente. Sim, eu gostaria, porque sou um fã também.”

Johnny Solinger, que foi o frontman da banda por 15 anos, foi substituído durante oito meses por Tony Harnell, que, por sua vez, anunciou sua saída do Skid Row em dezembro do ano passado. De lá para cá, a banda tem se apresentado com ZP Theart, do DragonForce, mas o vocalista ainda não foi anunciado como substituto permanente de Harnell – o que, é claro, só aumentou os boatos de que Bach poderia ser convidado a se juntar aos ex-colegas.