O novo álbum, intitulado “Lier”, marca a volta do projeto Barbarossa, assinado por James Mathé. É o trabalho mais pessoal do músico até hoje

O novo álbum, feito na cidade natal de James Mathé, Margate, na Inglaterra, com o produtor eletrônico Ghost Culture e o baterista Joel Wastberg (também conhecido como City Was), apresenta algumas das melhores composições de Mathé até hoje, como os singles “Griptide” e “Don’t Enter Fear”.

A música de Barbarossa já é bem conhecida pelos antenados de plantão, pois tem sido usada em diversas trilhas, como nas séries : ‘How I Met Your Mother’, ‘Elementary’ e ‘Suits’. A arte de capa é assinada por Tom Vek, músico multi-instrumentista autodidata e designer gráfico.

 

Desde o lançamento do disco, “Imager”, em 2015, muita coisa mudou para James Mathé, ele se tornou pai pela primeira vez e fez um movimento extremamente libertador para sua arte, a mudança de Londres – a cidade que por tanto tempo o definiu como artista – para a terra natal, Margate.

“Lier”, o novo álbum de Barbarossa, é a trilha sonora perfeita para acompanhar essas mudanças e, como resultado, é o trabalho mais pessoal do músico até hoje. Nas 10 faixas, “Lier” é um disco extremamente edificante e catártico, que convida o ouvinte a imergir na mente criativa de James Mathé e seu estado de espírito. As faixas em destaque na itapema são ‘Broken Beauty’ e ‘Thickening Air’.

 

 
Vídeos e fotos – divulgação.