Portugal. The Man, é uma banda de rock psicodélico, com influências de folk e indie, baseada na cidade de Portland, no estado norte-americano de Oregon, mas originária de Wasilla, Alasca. Mais uma boa surpresa estreando na itapema.

PTM002

Em 2001, John Gourley, Joe Simon, Dewey Halpaus, Nick Simon e Zach Carothers formaram a banda Anatomy of a Ghost. Gourley liderou o grupo mesmo sem experiência como vocalista. A banda rapidamente ganhou popularidade, mas logo se separou.

Logo surgiu a Portugal. The Man, originalmente idealizada como um projeto paralelo de Gourley, com Carothers sendo o baixista.

PTM001

Os músicos saíram do Alaska e foram para Portland com a intenção de começar as gravações e de fazer turnê. Gravaram as primeiras demos no verão de 2004, seguindo com uma turnê pelos Estados Unidos naquele outono. Com o pé direito no experimentalismo, os músicos se alternam nos arranjos e letras, a criatividade no estúdio é uma marca registrada, tanto que antes de terem um baterista, eles usaram drum machines (Caixa de ritmos) e sintetizadores para a batida de fundo.

Questionados frequentemente pela escolha do nome, os membros da banda afirmam ter escolhido o nome pela excentricidade e pela necessidade de frisar sua distinta influência musical.

 

No início de março, a banda lançou o single chamado “Feel It Still”, sugerindo que um novo trabalho estava vindo. Eles revelaram que não conseguiram concluir o disco “Gloomin + Doomin”, precisaram rever o processo criativo e então o descartaram, depois de 3 anos de trabalho.

O novo trabalho é o disco “Woodstock”, nome inspirado no festival de música de 1969, cujo realizador era o pai de Gourley. O vocalista percebeu, 50 anos depois do festival, que a música ainda tinha a mesma missão que naquela época – “comentar sobre o mal-estar social e político” que assola a humanidade. O grupo reaproveitou certas músicas de “Gloomin + Doomin”, mas de maneira diferente. O processo de composição foi longo, sendo que os novos rumos na política norte-americana, fizeram Gourley reescrever algumas letras.

“Nós trabalhamos com tantas pessoas incríveis nesse álbum, mas acabou com apenas nós quatro em um porão às 4 da madrugada tentando dizer algo importante”, disse Gourley. “Tentamos escrever músicas para ajudar as pessoas a não se sentirem sós, mesmo que estejam com raiva ou se sentindo perdidas.”

 

 
Fotos e videos : Portugal. The Man – Divulgação.